sábado, 26 de junho de 2010

Carta das Responsabilidades Vamos cuidar do Planeta


Carta das Responsabilidades
Vamos Cuidar do Planeta

Nós, jovens de todo o mundo e delegados desta Conferência Internacional, convidamos você a compartilhar conosco a responsabilidade de cuidar do Planeta. Esta Carta, criada pela união de 53 países, representa responsabilidades e ações vindas de diferentes nações, com diversas culturas, idiomas e sociedades.Todos conhecemos os problemas ambientais que nosso Planeta enfrenta. Algumas pessoas dizem que o dinheiro é a solução, outras pensam que é a inteligência. Mas na verdade o dinheiro não importa quando mais de 400 meninos e meninas se reúnem para cuidar do seu lar. Um lar que tem sido degradado ao longo do tempo e que tem um futuro instável e incerto.Se queremos nos proteger das mudanças ambientais, precisamos assumir responsabilidades e ações.Se não for agora, então quando? Se não formos nós, então quem?
Responsabilidades e ações
1. Sensibilizar e informar as pessoas sobre o uso efciente e responsável da água, energia e recursos biológicos e minerais, melhorando os hábitos de consumo, nossos e de todos.
Reduzir o consumo de energia, desligando os equipamentos elétricos que não estejam sendo usados, utilizando transportes ambientalmente amigáveis e usando energias renováveis como uma alternativa para diminuir emissões de gases causadores de efeito estufa.Incentivar o armazenamento e reutilização da água sempre que possível, conscientizando as pessoas sobre o uso racional da água por meio de campanhas publicitárias, revistas escolares e eco-clubes.
2. Reduzir, a fm de deter, a poluição da água, com o apoio e a ação de governo, empresas, agricultores e outros.
Conscientizar sobre a contaminação da água através dos meios de comunicação a nosso alcance de forma interativa e dinâmica, adaptando-os às realidades e ao contexto de cada comunidade. Plantar árvores nas margens dos rios para protegê-los, contando com o apoio ativo do governo, ONGs, organizações comunitárias e empresas e colocar cartazes com indicações para não jogar lixo.
3. Informar e estimular as pessoas para que reduzam a emissão de gases de efeito estufa, por meio do uso de todas as energias renováveis acessíveis e disponíveis, contando com o apoio do governo, quando possível, em ações executáveis que todos nós possamos colocar em prática.
Fazer manifestações públicas para estimular o uso de energias renováveis, evitando o aumento da poluição e as mudanças climáticas, lutando por apoio político e fnanceiro.Organizar atividades criativas, práticas, educacionais e relacionadas ao uso adequado de energias renováveis ecoefcientes em cada uma de nossas comunidades para disseminar conhecimento sobre a difusão de alternativas sustentáveis.Pressionar os governos para estabelecer impostos progressivos diretamente relacionados à poluição emitida por diferentes empresas.
4. Estimular uma agricultura sustentável, consciente e menos impactante social e ambientalmente, sem agrotóxicos e transgênicos, promovendo a educação no campo para colocar em prática formas mais efcientes do uso dos recursos, garantindo a segurança alimentar e, em alguns países, evitando queimadas durante a preparação dos campos.
Difundir alternativas e informações sobre as conseqüências do uso de agrotóxicos e transgênicos a produtores e consumidores, informando-os sobre a importância da agricultura ecológica e o consumo de produtos orgânicos.Realizar seminários e campanhas públicas para a educação de crianças sobre tecnologias na agricultura e respectivos impactos ambientais.Militar a favor de uma distribuição equilibrada e racional dos recursos alimentares de modo a garantir a segurança alimentar e erradicar a pobreza extrema.Consumir produtos alimentares locais estimulando a economia sem exploração social.
5. Cuidar do meio ambiente, fortalecendo e aprofundando projetos educacionais, investindo na participação dos jovens e em sua capacidade de decisão, informando-os sobre a educação ambiental, exigindo que seja respeitada, transformando comunidades e escolas em comunidades de aprendizagem.
Formar grupos de estudantes envolvidos com o meio ambiente que implementarão educação ambiental nas escolas por meio de projetos ambientais, envolvendo imprensa, universidades e toda a comunidade. Estar constantemente atualizado no que diz respeito à situação socioambiental do nosso planeta para que possamos educar por meio de nosso próprio exemplo e implementar ações concretas que colocarão a nossa ideologia em prática e, assim, formar uma corrente sem fronteiras para transmitir a mensagem ambiental. Criar uma grande organização juvenil que possa organizar formas de pressionar o governo, empresários e outros por meio de manifestações, petições, sensibilização e engajamento político.Fortalecer e aprofundar projetos educacionais pela mídia, tecnologias, ofcinas e várias atividades práticas ao ar livre e em centros educacionais.
6. Criar grupos ecológicos junto às comunidades que protejam, preservem e valorizem a biodiversidade, cuidando dos ecossistemas para contribuir para a sustentabilidade da biosfera, reduzindo o desperdício e usando os recursos naturais de forma racional.
Cooperar com organizações juvenis para que juntos consigamos pressionar o governo; realizar campanhas informativas, tais como manifestações, petições, campanhas de sensibilização, conferências e redes sociais e virtuais para alterar as perspectivas e estilos de vida da humanidade. Instaurar clubes e grupos de estudo em todas as escolas para a utilização consciente dos recursos naturais, encorajando a educação ambiental por meio de jogos educativos, flmes, palestras, teatros.
7. Fomentar o consumo adequado e a política dos 5R (refetir, recusar, reduzir, reutilizar e reciclar) por meio da propaganda informativa, adotando tal política para a vida cotidiana e assim constituindo sociedades e estilos de vida sustentáveis.
Criar organizações não-governamentais pelo meio ambiente que estimulem práticas relativas aos 5R e fomentem centros ecológicos, mobilizações, publicidade e feiras de troca. Usar meios de comunicação como sites e blogs para publicar ideias, compartilhar vídeos, revistas e músicas, a fm de criar redes ambientais que realizem atividades ecológicas, fortalecendo a educação ambiental.Boicotar produtos que são prejudiciais para o ambiente ou não respeitem direitos fundamentais dos seres humanos. Promover o aprendizado prático e interativo, que ensine as pessoas sobre o meio ambiente e permita que se divirtam enquanto aprendem.
8. Reduzir o uso de energias impactantes, conscientizando e mobilizando a sociedade sobre o uso de meios de transporte ecológicos, respeitando as mudanças que essas novas atitudes trarão.
Vamos convidar as sociedades por meio de ofcinas didáticas e artísticas, dos meios de comunicação e do diálogo permanente com as pessoas para que conheçam os efeitos negativos das emissões de gás carbônico e usem energias renováveis e meios de transporte alternativos, tais como bicicletas, patins, patinetes e skates.Pressionar nossos governos para que invistam em tecnologias limpas.Criar e difundir páginas da Internet que ajudem os motoristas a se organizarem para dar carona quando estiverem indo para o mesmo lugar. Estimular a população a usar fltros nos automóveis apontando os danos das emissões de gás carbônico. Promover o Dia Mundial Sem Carros, pressionando o governo para que multe quem use carros neste dia e a dar continuidade a esse projeto a longo prazo por meio de subsídios para automóveis ecológicos e públicos.
9. Implementar perspectivas e valores ambientais, melhorando o ponto de vista das pessoas para estimular uma cidadania ativa.
Desenvolver uma cultura ecológica por meio de práticas de educomunicação e da arte para estimular novas idéias de sustentabilidade.Criar campanhas informativas em todos os meios de comunicação, como jornais, rádio, TV, Internet, para estimular as pessoas por meio de exemplos práticos a tomar atitudes positivas e a utilizar produtos ecológicos.
Hoje, jovens e adultos de todas as partes do mundo presentes nesta Conferência, reconhecemos e aceitamos que todos somos e seremos responsáveis pelo que acontece em nossa amada Terra.Somos de diferentes países e de diferentes culturas e, ainda que separados por oceanos e continentes, somos todos um, unidos por um objetivo comum: cuidar do planeta!Para isso necessitamos da minha ajuda, da sua ajuda e da de todos. Precisamos agir agora e começar a partir de nossas casas, nossas escolas, porque cuidando de nós mesmos estaremos cuidando de toda a humanidade e provando que o ser humano não é o que diz e sim o que faz. Junte-se a nós!
Assine esta Carta no endereço: http://www.vamoscuidardoplaneta.net
05 a 10 de junho de 2010 Brasília - DF

quarta-feira, 16 de junho de 2010

Giro de Notícias


Brasília sedia a 1ª Conferência Internacional – Vamos Cuidar do Planeta , a CONFINT2010
Por COM-VIDA JM


Entre os dias 05 e 10 de junho de 2010, cerca de 500 jovens de 50 países, com idades entre 12 e 16 anos, estiveram reunidos em Brasília para participar da 1ª Conferência Internacional – Vamos Cuidar do Planeta , a Confint. Os principais assuntos em pauta foram sobre os problemas socioambiental vivenciados por diferentes nações, com foco nas mudanças climáticas e aquecimento global.
De forma construtivista, os participantes dos fóruns proporam e deliberam os assuntos para o debate. As escolas participou ativamente dos eventos, funcionando com centro agregador das discussões, permitindo a participação democrática de todos os envolvidos. A iniciativa da conferência internacional partiu do Ministérios de Educação e de Meio Ambiente do Brasil e permitio a troca de experiências entre alunos e educadores de várias partes do mundo.
Cada Estado teve sua participação vinculada a uma Comissão Organizadora Nacional. Contudo, algumas redes sociais como Twitter e Facebook traziam notícias em tempo real sobre o evento e possibiltaram a participação de jovens de todo o Brasil.
A Conferência Internacional – Vamos Cuidar do Planeta está inserida nos planos de ação da Década de Educação para o Desenvolvimento Sustentável (2005 -2014) da ONU.
Fontes:
http://www.mma.gov.br/sitio/index.php
http://vamoscuidardoplaneta.net/
http://confint2010.mec.gov.br/

Postado em 06/06/2010

domingo, 13 de junho de 2010

Palavra de Turma!

Neste espaço a turma de estudantes da escola Dep José Mariz deixa sua opnião.

Torneio da Natureza - Praia de Jacumã

“ Foi muito bom por que todos os alunos puderam participar e não houve nenhum tipo de violência durante o torneio da Natureza.”
Joalisson Ramos – 8B
Praia de Jacumã, 06 de Junho 2010.

“ Fazer torneio como esses faz bem para a saúde e alem disso devemos ter sempre cuidado em deixar sempre a praia limpa para que outros torneios possam ter aqui novamente.”
Antônio Lucas – 6A
Praia de Jacumã, 06 de Junho 2010.


“ Foi bom porque houve a participação do(a)s aluno(a)s sem sujar a praia e um dia diferente.”
Iziandro Santos – 8A
Praia de Jacumã, 06 de Junho 2010.


“ Eu acho que fazendo esses passeios podemos ter uma melhor integração com a natureza e com todos os estudantes da escola, isso facilita realizar nossos projetos de meio ambiente pela orla de Jacumã.”
Claudiene Martins – 8A
Praia de Jacumã, 06 de Junho 2010.


“ Eu gostei porque a escola através dos professores Givaldo e Marli e os colegas que faz a COM-VIDA organizou esse torneio para os estudantes onde passamos a manhã brincado de futebol, tomando banho de praia e isso para mim é muito bom me faz gostar da escola que estudo.”
José Rodrigo – 8B
Praia de Jacumã, 06 de Junho 2010.


“ O jogo foi legal porque nos divertimos muito na nossa praia.”
João Vitor – 6A
Praia de Jacumã, 06 de Junho 2010.


“Eu, achei bem legal e diferente por que foi na praia.”
Vitória Karina – 7A
Praia de Jacumã, 06 de Junho 2010.


“ Gostei porque teve os campeonatos, banhos de praia e brinquei muito com meus amigos.”
José Claudio Martins – 4A
Praia de Jacumã, 06 de Junho 2010.

sexta-feira, 11 de junho de 2010

Cantinho da Poesia



MIGRAÇÃO

I

Importante descoberta
Aves de arribação
Observação atesta
Referente à migração
Quando pousa na floresta
Toma a sua posição

II

Bússola no norte indica
A rota do timoneiro
Com ela o piloto fica
Sabendo o seu roteiro
A ave, se sabe diga
Como vê de seu poleiro?

III

Instintiva sabedoria
Tem a ave migratória
Seja noite, seja dia
Sabe sua trajetória
Volta a sua moradia
Não perde a sua memória

A VIDA Magnífico Projeto
Autor: Gilvam Meireles

sábado, 5 de junho de 2010

Arnaldo Jabor fala sobre Carne e Meio Ambiente (Meat and Environment)

Ano 2010 - 4a Edição do Projeto de Educação Ambiental: “Lixo, uma questão de educação”

COM-VIDA EM AÇÃO

Nesta primeira etapa de ações do Projeto de Educação Ambiental da Escola Deputado José Mariz - ANO 2010 estamos planejando atividades pedagógicas para serem realizadas em áreas ambientais próximos da escola com os estudantes do Ensino Fundamental II e EJA. Estes planejamentos vem sendo executados desde fevereiro todas as quintas feiras pela manhã com a duração de 4 horas aulas e participam representantes da COM-VIDA, professores e a Supervisão Pedagógica da Escolar.
Campanha de Mobilização - Dia Mundial da Água
Responsáveis: Professores Givaldo Freire e Marli Joaquim
Apoio: CAGEPA

No dia 26 de março com objetivo de integrar a escolar com a Comunidade do bairro realizamos uma campanha de mobilização e sensibilização sobre " A importância da água para a comunidade e o planeta. " foram repassados na oportunidade pelos alunos da escola Deputado José Mariz dicas de economia e cidadania, o não desperdício da água, cuidados com a dengue, alem de entregarmos folderes informativos aos residentes que encontramos durante o percurso. Anúncios educativos foram feitos no carro de som nas ruas da colônia dos pescadores, avenida principal e finalizamos na orla da praia de Jacumã em frente à quadra esportiva. A culminância da atividade foi a de juntar o maior número de participantes que com as mãos dadas abraçamos a enseada da orla maríma de Jacumã.

video


Lançamento do Concurso Orla na Escola
Responsáveis: Supervisão Pedagógica da Escola
Apoio: CGPOC - Comitê Gestor do Projeto Orla do Município de Conde/PB


I CONCURSO ORLA NA ESCOLA 2010
“Vamos criar uma idéia legal para a orla marítima que queremos ter!”


A Escola Municipal Deputado José Mariz - Praia de Jacumã, em parceria com o CGPOC - Comitê Gestor do Projeto Orla do Município de Conde/PB, realizara no mês de junho o I Concurso orla na escola 2010 “Vamos criar uma idéia legal para "a orla marítima que queremos ter!.” Participarão os alunos da Educação Infantil, Fundamental e da EJA. O concurso tem por objetivo fomentar o interesse dos jovens pelo cuidado e preservação do meio ambiente, promover a cidadania e difusão dos conhecimentos básicos através da criação de uma idéia simples e fácil que traga benefícios a nossa orla marítima e aos usuários. Os participantes irão também fazer uma ilustração (pintura e ou desenho) da idéia. O resultado da melhor idéia será divulgado nas comemorações do Meio Ambiente em junho.


Criação do Fanzine de Educação Ambiental na Escola.

Este material ficou para que a estudante Claudiene Martins (COM-VIDA) junto com os professores Carlos Alberto e Marlim Joaquim, elaborassem a 1a Edição A Educação Ambiental na Escola.


Oficina de Papel reciclado
Ministrante: Prof Marli Joaquim
Foto: Givaldo Freire

Aconteceu no dia 13 de maio de 2010 a 1 fase da oficina de reciclagem de Papel nas margens do maceiozinho da Praia de Jacumã. Todo o processo de preparação do papel reciclado foi mediada pela professora Marli Joaquim como também a 2 fase de conclusão - O acabamento final do papel será feito na Escola junto com os estudantes participantes da oficina.


Foto: Givaldo Freire


Foto: Givaldo Freire

Resultados da Primeira Fase





Fotos: Givaldo Freire

Ensaios fotográficos do Maceiozinho na Praia de Jacumã.
Responsável: Givaldo Freire (Ciências)

Será remarcado uma nova data para esta oficina na qual será mediada pelo Professor Givaldo Freire (Ciências) com o objetivo de montar uma mostra fotográfica digital que acontecerá na semana de comemorações do Meio Ambiente.

COMEMORAÇÕES DA SEMANA DO MEIO AMBIENTE
A INPORTÂNCIA DO MEIO AMBIENTE PARA NOVAS GERAÇÕES
PRAIA DE JACUMÃ -MACEIOZINHO de 10 e 11 DE JUNHO DE 2010 –
Realização: COM-VIDA
APOIO: EMEIEFEJA – DEP. JOSÉ MARIZ
Responsável: Prof Marli Joaquim


PROGRAMAÇAO

Dia 07 de Junho

Estudantes participam da decoração da Copa do Mundo 2010 - Africa do Sul na principal rua do distrito de jacuma.

Esta atividade extra-classe foi uma parceria com o Núcleo Adminstrativo do Distrito de Jacumã e realizado com os estudantes do Ensino Fundamental II, EJA da escola Deputado José Mariz, Guarda Municipal agentes do Núcleo. Os participantes vestiram a camisa do orgulho brasileiro que é representado por nosso futebol e ascenderam a chama do amor de sermos brasileiros. No clima de cooperação e organização e é claro divertimento a turma pintou duas grandes bandeiras uma do Brasil e outra da Paraíba além dos síbolos da Copa no chão da rua que da acesso a quadra. Essa foi a forma saudável e com muito carinho os alunos deixou sua mensagem de boa sorte para a Seleção Brasileira. A Coordenação dos estudantes ficou por conta da COM-VIDA e da Arte Educadora Professora Marli Joaquim.















Fotos: Marli Joaquim


Boa Sorte Brasil !!!!

Dia 10 de Junho

08:00hs - Início das atividades.

Futebol Masculino e Jogo de Baleado Feminino.








Foto: Givaldo Freire

16:00h - Final do torneio






Foto: Marli Joaquim

Dia 11 de Junho

18:00hs Mostra Artes Visuais:





· Vídeo – Mudanças Climáticas


Foto: Marli Joaquim


· Papel Reciclado produzido pelos alunos
· Técnica de colagem
· Pintura utilizando bainhas de coqueiro.





Fotos: Givaldo Freire/Marli Joaquim

19:00hs Seminários


– Empreendedorismo e Meio – Ambiente
Palestrante: Maria de Fátima Barbosa -Supervisora da Escola Dep José Mariz

– Lançamento do Blog da COM-VIDA -Ações ambientais nas orlas do Distrito de Jacumã
Palestrante: Givaldo Freire de Oliveira











Fotos: Givaldo Freire/Marli Joaquim